• 07-2004-capa-democracy-and-public-management-reform
  • 05-2010-capa-globalixacion-y-competencia
  • 01-2021
  • 17-2004-capa-em-busca-do-novo
  • 05-2009-capa-globalizacao-e-competicao
  • 15-1968-capa-desenvolvimento-e-crise-no-brasil-1930-1967
  • 05-2010-capa-globalization-and-competition
  • 16-2015-capa-a-teoria-economica-na-obra-de-bresser-pereira-3
  • 04-2016-capa-macroeconomia-desenvolvimentista
  • 02-2021-capa-a-construcao-politica-e-economica-do-brasil
  • 10-1999-capa-reforma-del-estado-para-la-ciudadania
  • 11-1992-capa-a-crise-do-estado
  • 09-1993-capa-reformas-economicas-em-democracias-novas
  • 03-2018-capa-em-busca-de-desenvolvimento-perdido
  • 09-1993-capa-economic-reforms-in-new-democracies
  • 13-1988-capa-lucro-acumulacao-e-crise-2a-edicao
  • 2006-capa-as-revolucoes-utopicas-dos-anos-60
  • 12-1982-capa-a-sociedade-estatal-e-a-tecnoburocracia
  • 05-2009-capa-mondialisation-et-competition
  • 06-2009-capa-construindo-o-estado-republicano
  • 10-1998-capa-reforma-do-estado-para-a-cidadania
  • 08-1984-capa-desenvolvimento-e-crise-no-brasil-1930-1983
  • 2014-capa-developmental-macroeconomics-new-developmentalism

Uma tristeza

Luiz Carlos Bresser-Pereira

Nota no Facebook, 5.6.2017.

.


O impeachment de Dilma foi “justificado” formalmente por irregularidades menores (as pedaladas), e, informalmente, pelos protestos nas ruas, comandados por organizações de direita, contra a corrupção na qual se envolvera o PT (não ela). O impeachment foi pedido por Aécio Neves no dia seguinte à derrota eleitoral, e agora pesam sobre ele acusações muito mais graves. O golpe patrocinado por políticos oportunistas do PMDB só se consumou graças ao apoio liberalismo financeiro-rentista representado politicamente pelo o PSDB, não obstante o PT não tenha realmente ameaçado sua hegemonia, que data da eleição de Collor em 1990.

Agora está claro que Temer está também profundamente envolvido na corrupção. Seu elogio a Rodrigo Rocha Loures Filho, dizendo que ele é uma boa pessoa e não delatará, é uma confissão. Hoje começa seu julgamento pelo TSE. A questão é saber se a chapa Dilma-Temer se beneficiou de dinheiro sujo. Não há dúvida que isto ocorreu. Não resta aos juízes do TSE alternativa senão julgar ilegal sua eleição e a de Dilma.

Cassado ou não Temer, o Brasil, cujo PIB per capita caiu 11% desde o início da recessão, continuará em crise econômica, política e moral, sob o comando de empresários corruptores, como os da Odebrecht e da JBS, e de políticos corruptos como Aécio e Temer, e com o apoio da coalizão de classes liberal, financeiro-rentista, que domina o Brasil desde 1990. Uma tristeza.