The Political Construction of Brazil

2017. An encompassing analysis of Brazil’s society, economy and politics since the Independence. A national-dependent interpretation. Three historical cycles of the relation state-society: State and Territorial Integration Cycle (1822-1929), Nation and Development Cycle (1930-1977) and Democracy and Social Justice Cycle (1977-2010). Crisis since then. (Book: Lynne Rienner Publishers)

Mais informações

Macroeconomia Desenvolvimentista

2016. With José Luis Oreiro e Nelson Marconi. Our more complete analysis of Developmental Macroeconomics – the central economic theory within New Developmentalism. (book)

Mais informações

Destaques


JUNTOS PELA DEMOCRACIA

Dia 13 de Dezembro às 19hs, ato em Defesa da Democracia e da Constituição, no salão nobre da Faculdade de Direito da USP, no Largo de São Francisco, São Paulo.

Dependência nossa, imperialismo deles

20.11.2018. The relation between the imperialism of the powerful and the dependency of the weak countries, and their dependent elites, as is the case of Brazil.


The rise of a new developmental macroeconomics for middleincome countries: From classical to new developmentalism

2018. New developmentalism was born from classical developmentalism and post-Keynesian macroeconomics. This paper tels this history. Is a good introduction do new developmentalism. (Paper)

Capitalismo financeiro-rentista

2018. Rentiers, the inheritors of the entrepreneurs, and financiers, a special type of technobureaucrats, are the fuling classes in contemporary capitalism; neoliberalism is their ideology. The financiers manage the wealth of the idle rentiers and act as organic intellectuals of this very narrow class coalition. (Revista de Estudos Avançados,USP)


The two forms of capitalism: developmentalism and economic liberalism

2017. Capitalism and the state are either developmental, or liberal. Developmentalism and economic liberalism are two forms of coordinating capitalism. Capitalism was born developmental anywhere, in England or in the US, in Germany or in Brazil, in Japan or in China. (paper: Brazilian Journal of Political Economy)

Neutralizing the Dutch disease

2018. A retention or tax on the export of commodities will neutralize the Dutch disease and assure to the manufacturing industry equal conditions in the competion with other countries. The tax will not represent a buden to the exporters, because they receive back their money on the form of depreciation of the real.

Rentier-financier capitalism

2018. Rentiers, the inheritors of the entrepreneurs, and financiers, a special type of technobureaucrats, are the fuling classes in contemporary capitalism; neoliberalism is their ideology. The financiers manage the wealth of the idle rentiers and act as organic intellectuals of this very narrow class coalition. (Paper to be published)

Interesse, neoliberalismo e cinismo

2018. In the past, the individualism that is associated to liberal capitalism was tempered by socialism, democracy, nationalism and republicanism. Since capitalism turned neoliberal it turned radically individualistic and unjust. (Essay to be published)

Bons filmes que vi recentemente Filmes cotados 1536 | Ver todos os filmes

La Strada

(Federico Fellini, escr (2954) Itália Escr: Tulio Pinelli Diálogos: Ennio Flaiano c/ Giulietta Masina, Anthony Quinn, Richard Basehart.) A estrada é a vida, é a perda da inocência, é a loucura que pode ser tão bela quanto frágil.

Dernier Jours à Shibati (doc)

(Hendrick Dusollier, escr (2017) França.) O último ano antes que Shibati seja posta abaixo para dar espaço para o desenvovimento urbano em uma cidade da China.

A Star is Born

(Bradley Cooper, rot. (2018) EUA Rot: Eric Roth, Will Feters c/ Lady Gaga, Bradley Cooper, Sam Elliot (irmão), Rafi Gavron, Barry Shabaka Henley (pai)) Afinal, um pobre melodrama. Lady Gaga canta bem, mas preferi o country cantado por Bradley Cooper

Cold War

(Pawel Pawlikowski, Hist, Rot, (2018) Polônia. Rot: Janusz Glowacki c/ Joanna Kulig, Tomasz Kot, Borys Szyc |) Quando amor e falta de razão se confudem a infelicidade é inevitável

Os Irmãos Sister

(Jacques Audiard (2018) França Rot: Thomas Bidegain Livro: Patrick DeWitt c/ John C. Reilly, Joaquin Phoenix, Jake Gyllenhaal e Riz Ahmed) A barbárie se torna "normal" quando não há lei. Oregon, na época do ouro. Um wetern francês de primeira qualidade.

Revolução Silenciosa

(Lars Kraume, rot. (2018) Alemanha Livro: Dietrich Garstka c/ Jonas Dassler, Michael del Coco, Sina Ebell) Coragem em busca da liberdade. Alunos de ensino médio, em Berlim, em 1956, sofrendo a repressão comunista.

Bons artigos que li recentemente Ver todos

Educação pública, estatal, e gratuita: sim!

- Octaviano Helene

Indígena brasileira eleita deputada federal vence prêmio da ONU

- Joênia Wapichana

Who's Afraid of John Maynard Keynes? (review)

- James Galbraith

Inclusões recentes / Recents inclusions

Papers

JUNTOS PELA DEMOCRACIA

Dia 13 de Dezembro às 19hs, ato em Defesa da Democracia e da Constituição, no salão nobre da Faculdade de Direito da USP, no Largo de São Francisco, São Paulo.

Multilateral development banks, new developmentalism and local currency financing

2018. Paper with Cinthia Bechelaine, to be published.

The rise of a new developmental macroeconomics for middleincome countries: From classical to new developmentalism

2018. New developmentalism was born from classical developmentalism and post-Keynesian macroeconomics. This paper tels this history. Is a good introduction do new developmentalism. (Paper)

Capitalismo financeiro-rentista

2018. Rentiers, the inheritors of the entrepreneurs, and financiers, a special type of technobureaucrats, are the fuling classes in contemporary capitalism; neoliberalism is their ideology. The financiers manage the wealth of the idle rentiers and act as organic intellectuals of this very narrow class coalition. (Revista de Estudos Avançados,USP)

The case for deindustrialization in developing countries: towards the connection between the macroeconomic regime and the industrial policy in Brazil

2017. With André Nassif and Carmem Feijó.
+Ver todos

Artigos de jornais e entrevistas

Um grande jornal em tempos difíceis

2018. Folha dá grande contribuição à democracia.

A democracia ainda tem uma chance

2018. Mal maior pode ser evitado com Fernando Haddad (Article: Folha)

Voltar à razão

2018. As eleições presidenciais de outubro próximo são a oportunidade para a pacificação dos espíritos e para um novo começo, mas para isso os direitos políticos de Lula precisam ser assegurados.

Desafios para o Brasil pós-Reforma Gerencial

2017. Bresser-Pereira faz um balanço do legado da reforma gerencial à eficiência do serviço público brasileiro e propõe ações essenciais para que o país tenha um crescimento consistente.

Challenges faced by Brazil post Managerial Reform

2017. Bresser-Pereira takes stock of the managerial reform legacy to the efficiency in the Brazilian public service and suggests essencial actions for the country to have consistent growth.

Debate Bresser-Pereira - Marcos Lisboa

2018. Artigo original de Marcos Lisboa na Folha de S. Paulo sobre a taxa de câmbio, a crítica de Bresser-Pereira, e a resposta de Marcos Lisboa - os três artigos publicados na Folha. Deixo ao leitor o julgamento.
+Ver todos

Pequenos textos, prefácios e etc.

Como as democracias morrem

2018. Resenha do livro de Steven Levitsky e Daniel Ziblatt.

Keynes, Cardim e seus amigos pós-keynesianos

2018. Prefácio ao livro em homenagem a Fernando Cardim de Carvalho.

Um projeto novo-desenvolvimentista para o Brasil

2018. Opções para a retomada do desenvolvimento no novo governo.

Contribuições à teoria econômica

2018. My possible contributions to economics and the respective books or papers. (Guide to my work)

Debate Bresser-Pereira - Marcos Lisboa

2018. Artigo original de Marcos Lisboa na Folha de S. Paulo sobre a taxa de câmbio, a crítica de Bresser-Pereira, e a resposta de Marcos Lisboa - os três artigos publicados na Folha. Deixo ao leitor o julgamento.

Interesse, neoliberalismo e cinismo

2018. In the past, the individualism that is associated to liberal capitalism was tempered by socialism, democracy, nationalism and republicanism. Since capitalism turned neoliberal it turned radically individualistic and unjust. (Essay to be published)
+Ver todos

Notas do Facebook

Dependência nossa, imperialismo deles

20.11.2018. The relation between the imperialism of the powerful and the dependency of the weak countries, and their dependent elites, as is the case of Brazil.

Aposentadoria básica - direito do cidadão

É obrigação do Estado garantir uma velhice digna para as pessoas. Por isso os países civilizados não adotam o regime de capitalização. Nota no Facebook-12.11.2018.

Um grande jornal em tempos difíceis

22.10.2018

Frente democrática e Fernando Haddad

12.10.2018 - O risco que Bolsonaro representa é imenso. Cidadãos conscientes precisam esquecer suas críticas ao PT - muitas delas justas - e votar em Fernando Haddad.

Nuvens negras

A subida de Bolsonaro nas prévias eleitorais reprenta grave ameaça. É um candidato fascista que substancia o mal. 3.10.2018

Depois do ódio a volta à razão

29.9.2018

A perplexidade da centro-direita

20.9.2018. A centro-direita democrática ficou sem candidato.

A alternativa ao neoliberalismo e ao fascismo

2018.9 - Dois candidatos de centro-esquerda, Ciro Gomes e Fernando Haddad, são hoje a alternativa ao neoliberalismo e ao fascismo. (Nota no Facebook)
+Ver todos

Vídeos e áudios

Why did Latin America fall behind East Asia?

Keynote speech in the Shangai Forum, Fudan University, May 26, 2018

Não dá para comparar Haddad a Bolsonaro

Entrevista

Bresser-Pereira sobre Ciro Gomes

5.10.2018. Depoimento.

Bolsonaro, Alckmin e Amoêdo são perigo

Bresser-Pereira e a retomada o desenvolvimento no Brasil. (Entrevista)

O liberalismo econômico não resolverá o problema do Brasil

2018. Luiz Carlos Bresser-Pereira explica em detalhes sua teoria do novo desenvolvimentismo econômico e a defende como caminho para a retomada do crescimento do Brasil.
+Ver todos

Work in English

The two forms of capitalism: developmentalism and economic liberalism

2017. Capitalism and the state are either developmental, or liberal. Developmentalism and economic liberalism are two forms of coordinating capitalism. Capitalism was born developmental anywhere, in England or in the US, in Germany or in Brazil, in Japan or in China. (paper: Brazilian Journal of Political Economy)

Neutralizing the Dutch disease

2018. A retention or tax on the export of commodities will neutralize the Dutch disease and assure to the manufacturing industry equal conditions in the competion with other countries. The tax will not represent a buden to the exporters, because they receive back their money on the form of depreciation of the real.

Rentier-financier capitalism

2018. Rentiers, the inheritors of the entrepreneurs, and financiers, a special type of technobureaucrats, are the fuling classes in contemporary capitalism; neoliberalism is their ideology. The financiers manage the wealth of the idle rentiers and act as organic intellectuals of this very narrow class coalition. (Paper to be published)
+Ver todos

Programas de cursos

Estado e Capitalismo

2019, 1o. semestre, com José Marcio Rego. O objetivo do curso é o capitalismo, o desenvolvimento capitalista e sua relação com o estados-nação e o Estado moderno.

Teoria do Estado Moderno

2018 - 2o. semestre, com Alexandre Abdal. O curso oferece aos alunos uma visão resumida da formação dos estados-nação e da teoria do Estado moderno.

Teoria do Estado e Desenvolvimento

1o.semestre 2018. Com José Marcio Rego. O objetivo do curso é o desenvolvimento econômico e sua relação com o Estado moderno.

Macroeconomia do Desenvolvimento

2017, 2o. semestre. Com Nelson Marconi e Marcio Holland.

Teoria do Estado Moderno

2017 - 2o. semestre, com Claudio Couto. O curso oferece aos alunos uma visão resumida da formação dos estados-nação e da teoria do Estado moderno.

Teoria do Estado e Desenvolvimento

1o. semestre 2017. Com José Marcio Rego. O objetivo desse curso é o desenvolvimento econômico e sua relação com o Estado moderno.

Teoria do Estado Moderno

2016, com Claudio Couto. Curso que visa oferecer aos alunos uma visão resumida da formação dos estados-nação e da teoria do Estado moderno

Macroeconomia do Desenvolvimento

Com Nelson Marconi e Marcio Holland. (2o. semestre de 2016).
+Ver todos

Apresentações

Why did Latin America fall behind East Asia?

Presentation at the Shanghai Forum (Fudan University) May 2018.

Interesse, neoliberalismo e cinismo

2018. Apresentação no seminário "Conservadorismo, novas direitas e grupos insurgentes". (slide presentation)

Aulas de Macroeconomia Desenvolvimentista

Apresentação das aulas do Curso de Graduação em Economia, 2o. semestre de 2017.

How to neutralize the Dutch disease notwithstanding the natural resources curse

2017. Presentation to Likhachov Scientific Conference in St.Petersburg, Russia.

La crise politique du néo-libéralisme dans les pays avances et la régression néo-libérale au Brésil

2016. La globalisation, le capitalisme des rentiers et de financiers, et l'idéologie néolibérale ont été dominantes entre 1979 et 2008. Ces ont été les Années Néolibéraux du Capitalisme. Mais ce temps là est fini.
+Ver todos

Fale conosco: ceciliaheise46@gmail.com