Filtrar por:

A reconstrução do Brasil: regra fiscal e desindexação são essenciais

2016. A desindexação da economia é fundamental e o Estado deveria ser proibido de firmar contratos baseados em índices, muito embora possa permitir correções pela inflação. (Entrevista a Ricardo Leopoldo)

Esse impeachment é uma farsa jurídica

2016. Entrevista a Alexander Solnik.

Estamos no 'fundo do poço'. E agora?

Yoshiaki Nakano (2016) A leve melhoria nas expectativas se deve mais ao impeachment da presidente Dilma do que às medidas tomadas.

Defender Dilma será um dever cívico

2016. Defender Dilma neste momento é dever cívico. O impeachment é uma farsa jurídica que não podemos aceitar. Ele foi um dos escolhidos pela presidente para defendê-la no Senado. (Entrevista por Lúcia Müzell, da Radio France)

Porque o Brasil parou de crescer

Bresser-Pereira analisa as razões que não permitem que o Brasil cresça, na sua opinião, o tanto que deveria. (Entrevista a Maria Cristina Poli) Leia aqui a entrevista publicada na Um Brasil

O que nos ameaça é um grave retrocesso neoliberal

2016. Padrão moral da política e cenário econômico vão piorar com impeachment; guinada neoliberal pode condenar o Brasil a uma 'estagnação de longo prazo' (Entrevista a Ana Magalhães).

Remando contra a maré: novo desenvolvimentismo e interesse nacional

2016. Long interview of Bresser-Pereira to Alvaro Comin e Paulo Todescan Mattos for Plural, publication from USP's graduate program in sociology.

Os desafios da economia brasileira

2016. Entrevista feita no programa Ponto a Ponto, na TV Bandeirantes.

O que arrebentou a economia foi o real forte

2015. Em tempos de polarização da política e do debate econômico, o professor da Fundação Getúlio Vargas Luiz Carlos Bresser-Pereira se recusa a se enquadrar em categorias preconcebidas. (Entrevistado por Ruth Costas).

Reforma vai reduzir muito pouca despesa

2015. Bresser-Pereira diz que mudanças deveriam incluir enfoque em gestão por resultados. (entrevista de Alessandra Duarte, O Globo)

Câmbio pode aliviar a crise em 2016

2015. As exportações devem tirar o País da crise aguda, mas é preciso baixar os juros logo. (Entrevista para Vinicius Neder).

Saída está no câmbio e na taxa de juros

2015. The way out of the quasi-stagnation since the Real Plan is overcome the high interest rate – overvalued currency trap. (Interview to Jornal da Paraíba)

Os ricos nunca gostaram e temem a democracia

2015. Long interview. Bresser-Pereira speaks about his life, ideas, and Brazil. (Long interview to Leandro Fontoura, Zero Hora)

Desvantagem competitiva tem que terminar

2015. An long-term appreciated exchange rate represents a major competitive disadvantage. (Short interview to O Estado de S.Paulo)